sábado, 17 de dezembro de 2011

A intuitiva

Livro: A intuitiva 
Autor: Hannah Howell
Gênero: Ficção
Editora: Lua de papel
224 páginas


Sinopse:
Estamos na Inglaterra, no século XVIII. Assim como a maioria de seus familiares, a bela e jovem Alethea Vaughn Channing possui dons especiais. Desde pequena ela tem visões recorrentes de um homem desconhecido. Passados 15 anos desde a primeira visão, ela prevê um risco iminente de morte. Ela precisa encontrá-lo, contar sobre sua visão e convencê-lo de que corre perigo… Mas quem acreditaria numa estranha com uma conversa dessas? Ainda sob um ceticismo inicial, ele percebe sinceridade na desconhecida e, agindo emocionalmente, decide acreditar na estranha para tentar novamente descobrir o paradeiro de seus dois sobrinhos, que desapareceram após a trágica morte de sua irmã e do esposo. Durante essa busca, começa então a florescer uma forte admiração entre os dois, até surgir a perigosa Claudete, uma antiga amante de Hartley, e que Alethea descobrirá estar entre as pessoas mais ameaçadoras da alta sociedade de Londres. Então, a sua vida também passa a correr perigo e ela precisará mais do que nunca de seus poderes para garantir a sua segurança.

Minha opinião:
Assim como os dois primeiros livros desta série, a leitura é dinâmica e a autora consegue prender a atenção na narativa ágil e envolvente.
Alethea tem uma personalidade cativante e persistente, como toda a sua família.  Hartley é carismatico e charmoso.
Apesar de ininicalmente ser cético em relação ao dom de Alethea, no decorrero da narrativa, ele passa a acreditar e confiar neste dom. O envolvimento dos dois passa a ser natural, e você se sente envolvida pela narrativa fluente no livro, acompanhando os sentimentos transmitidos em cada momento dele.
Gostei bastante deste, assim como dos anteriores, e recomendo, pois a leitura é rápida e gostosa !

Boa leitura !!

Nenhum comentário:

Postar um comentário